Sexta-feira, 17 de Abril de 2009

...

por mais que tente,

não consigo falar.

até o próprio acto de pensar já se torna difícil

e a dor

essa então está intolerável

 

penso e sei que mal,

se calhar não presto mesmo para nada

 

dizes que não ,que não posso pensar assim

mas todos os dias me apresentas mais uma parte negra de mim

e analisas até que nada mais haja para dizer

e eu choro

não falo e choro

e ficas aflito por eu estar assim

mas eu já disse que vou mudar

que estou a tentar

e sei que na tua cabeça

me estás ajudar

mas assim eu não consigo

já não levanto a cabeça

até me custa levantar os olhos

 

as manhãs custam tanto

a vontade era de ficar deitada

sem me levantar

ficar ali

 

nem imaginas a força que faço todos os dias

para sair

para estar com os miúdos

para te encarar

tenho tanto medo todos os dias

do que me vais dizer

daquilo que descobriste mais.

 

Eu sei que tens de dizer,

porque senão ficas assim como eu .

Sinto-me acabada.

vazia

sem mim

 

 

 


escrito por Pemi às 19:45
link do post | pode pintar á vontade | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29


.O que ando a escrever

. Ai!

. Depressão

. uma cigarrilha

. o pior de tudo

. o mundo por um cigarro

. Bater asas e voar

. e mais merda

. ...

. Ás vezes

. Há dias em que não vivemo...

.Memórias

. Setembro 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Dezembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds